25 de nov de 2013

BABYLISS. PARA QUE SERVE CADA TIPO. GUIA PRÁTICO.

Para ser um guia prático, vamos deixar de lado aqueles formatos especiais de babyliss que só vemos nos editorias de moda e nos concentrar nos mais usuais. E, facilitando ainda mais, esqueça aqueles números ilembráveis de inch ou polegadas. Vamos chamá-los apenas de fino, médio e grosso, que são os três mais comuns.


1. GROSSO
É o que dá o efeito mais bonito. Aquelas ondas grandes e desfeitas, quase naturais, mas também o mais difícil de usar. Além de ter uma certa habilidade para conseguir usá-lo, em cabelos lisos e finos, será necessário preparar o cabelo antes com mousse ou cera e depois com fixador para que as ondas não se desfaçam. E, quanto mais longo o cabelo, mais fácil será manuseá-lo.

2. MÉDIO
Se você está pensando em comprar seu primeiro babyliss, este é o mais indicado. Serve para todos os tipos e comprimentos de cabelo. E dá um efeito bem bonito, estilo Gisele. Os cabelos finos e lisos também vão precisar de uma preparação prévia para conseguir fixar os cachos, mas nada absurdo. Não é difícil de manusear e pode ser usado na vertical e na horizontal para diferentes efeitos.

3. FINO
Normalmente é o que encontramos na gaveta da tia. Ele consegue aqueles cachos bem marcadinhos, a cara dos anos 90, estilo formatura de quarta série, sabe?! Geralmente, é o que muita gente compra enganada (foi o meu caso), pois é o mais disponível no mercado. Mas a utilização dele é bem limitada. Ainda não consegui descobrir uso para o meu. Já quem tem o cabelo bem cacheado, pode conseguir defini-los melhor.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...